O interesse em uma Loja Virtual esta crescendo entre os varejistas.
Apesar de parecer pouco em comparação com o grande volume total do varejo, o percentual está crescendo com o passar dos anos.
Segundo o Euromonitor International, nos próximos 5 a 10 anos, o varejo virtual pode aumentar sua participação de 3% para 6% do total, já prevendo um percentual de 4,3% para 2019, um total de R$ 59,5 bilhões… Agora não parece pouco em relação aos 3%.

Países Americanos, Europeus e Asiáticos já possuem cerca de 8% das vendas do varejo geradas em lojas virtuais. O Brasil deve seguir a tendência desses mercados, que influenciam muito no mercado nacional.

O varejo total continuará crescendo no Brasil e nenhum outro setor da economia deve crescer tanto, dados históricos apontam isso. A crise que estamos presenciando pode diminuir esse crescimento, mas, em médio e longo prazo, o varejo crescerá, com isso, é possível prever um aumento no faturamento das lojas virtuais para os próximos anos, afinal, é um crescimento de 50%, podendo chegar a 100% em pouco tempo.

Setores maduros no cenário do E-Commerce atual, Segundo o Ebit, já vendem anualmente mais de R$ 41 Bilhões.

Como uma loja virtual pode alavancar uma loja física?

Há alguns fatores, além das estimativas econômicas, que podem afetar este tópico:

O público está mais seguro ao realizar compras online.

  • Com o aumento da quantidade de lojas virtuais há também o crescimento do público que as frequenta, hoje temos sites como o Reclame aqui onde o consumidor pode expressar sua experiência com a loja, tornando as lojas sérias e com grande necessidade de atenção, o que gera segurança para o cliente tomar uma decisão.
  • Cada dia fica mais fácil comprar online.

  • A facilidade de pesquisar e comparar preços aumenta o número de usuários dispostos a comprar em uma loja virtual.
  • Comodidade e Segurança

  • Todos sabemos que lojas físicas são limitadas a vender para quem entra em sua loja ou na região de atuação, isso significa, ter um local para que seu cliente vá até você, dependendo do local onde se encontra a loja podemos ter um número menor de clientes, ou até mesmo falta de segurança no caminho que seu consumidor precisa fazer para chegar até você.
  • Aumento no número de usuários de internet e smartphone no Brasil

  • Segundo a Fundação Getúlio Vargas o público que utiliza Smartphone no Brasil cresceu 9% em 2016 com relação a 2015, chegando a 168 milhões, além dos Smartphone vemos também que para cada 3 pessoas no brasil, duas tem acesso a computadores pessoais. Os dados são da 27ª Pesquisa Anual de Administração e Uso de Tecnologia da Informação nas Empresas.
  • Podemos listar vários outros motivos, mas o principal ponto a ressaltar é que existe uma grande oportunidade no e-commerce, e levar um negócio físico para o ambiente virtual pode transformar completamente o negócio, para melhor.

    Por quê ter a sua loja virtual?

    Iremos listar alguns dos principais motivos para o varejista investir no E-Commerce:

    Baixo investimento

    Esqueça o alto custo para ter um bom posicionamento, pagar taxas altas para conseguir uma loja em um Shopping ou esquina movimentada, é necessário apenas um local pequeno e poucas pessoas, pode até mesmo utilizar uma sala pequena na sua estrutura atual.

    Apesar de não ser necessário uma estrutura ou muitas pessoas, ainda é preciso um investimento para se abrir um E-Commerce, o principal investimento será em tecnologia. É possível economizar muito dinheiro aqui.

    Ainda será necessário um investimento para a inauguração da sua loja, independente de ser um loja virtual, a primeiro impressão é a que fica, certo?

    Estoque

    Umas das maiores vantagens do E-Commerce é que você pode utilizar o atual estoque, apenas diferenciando entre o produto da loja física e virtual.

    Se neste caso, você já possui uma loja física e também um sistema de gerenciamento de estoque pode simplesmente integrar o seu sistema ao seu E-Commerce e manter o mesmo totalmente automatizado.

    Essa é uma vantagem enorme da loja virtual, pois não é preciso montar um estoque paralelo para começar uma operação de e-commerce.

    Experiência no varejo

    E-commerce é varejo, é venda, é comércio. Isso não é novidade para quem vem do varejo físico. Negociar com fornecedores, calcular preços de venda, gerir fluxo de caixa e giro de estoque já são rotinas que o lojista físico e sua equipe domina bem.

    Essa é uma grande facilidade, pois essas técnicas são as mesmas no e-commerce, com apenas algumas variações.

    Muitos empreendedores que entram no mercado de e-commerce sem ter experiência em varejo precisam aprender a ser comerciantes. Essa dificuldade o lojista físico não enfrenta.

    Visibilidade

    Vendendo pela internet os produtos poderão ser adquiridos por qualquer consumidor, em qualquer cidade do Brasil. A marca não será mais aquela “lojinha de bairro”. Os clientes poderão comprar seus produtos a qualquer hora do dia, 365 dias por ano, e pagar 100% online, através de plataformas online de pagamento.

    As vendas serão despachadas pela transportadora e, em alguns dias, estarão em posse dos clientes.

    O negócio poderá se elevar a um outro nível.

    Crescimento exponencial

    Lojas físicas são limitadas ao seu tamanho, localização, equipe e seus próprios consumidores, para crescer é necessário criar filiais e um alto investimento, praticamente criar outra empresa.

    Em relação a loja virtual, é necessário apenas ajustar a logística referente ao seu tamanho e pode atender milhares de clientes por dia.

    Marketing Digital e suas peculiaridades

    As vendas em lojas virtuais precisam de marketing, tanto quanto as lojas físicas, vender online requer aproximações diferentes do mundo físico, é necessário investir constantemente em seu público, com escala e foco em conversões.

    É completamente diferente do marketing que o varejista está acostumado, outdoors e panfletos não geram resultados para o meio virtual.

    Em compensação, pode economizar muito na diferença entre os valores para o meio Digital e físico e seus resultados.

    Gestão de Estoque

    Para uma loja física a variedade é a chave para o sucesso.
    Aqui o importante é ter o que seu cliente está procurando.
    Para uma loja Virtual a quantidade é a chave para o sucesso.
    Aqui o seu cliente procurou o que queria e encontrou você, agora o importante é atender a sua demanda

    Investindo em ambos os meios o Lojista pode sentir dificuldades em controlar tudo.

    Neste caso, seguindo o exemplo da loja virtual Odvix, A integração com seu E-Commerce e o Sistema de Gestão de estoque é importante para o bom funcionamento de todas as áreas da empresa.

    Conclusão

    As vantagens e as grandes oportunidades que existem no e-commerce podem ser muito recompensadoras, tanto para o novo canal de vendas quanto para o negócio físico, que certamente será muito fortalecido com a presença online.