fbpx

Série da NFe: saiba a importância da série e como utiliza-la.

Série da NFe: saiba a importância da série e como utiliza-la.

Série

A série é uma das partes obrigatórias para a emissão fiscal, ela segue um padrão definido pela secretaria da fazenda. Auxiliando no controle das emissões e identificações do tipo de emissão. E é de extrema importância que os contribuintes estejam por dentro de todas as normas e padrões pré estabelecidos referentes a numeração sequencial da série.

Para que você empreendedor fique por dentro de todas as questões referente a esse assunto, o sistema Odvix preparou este artigo. Acompanhe!

O que é?

A série da nota é um numero sequencial que define a numeração da nota, servindo como controle das emissões e identificação do modo de emissão. Quando a NFe foi instituída por meio do Ajuste SINIEF 07/05 só era permitida a utilização de uma série por vez sendo iniciada pela de numero 1. No entanto, com o Ajuste SINIEF 08/09, tornou-se possível a utilização de números de serie distintos ao mesmo tempo para a emissão.

Como funciona?

Como a NFe é um novo modelo da nota fiscal a numeração da série deve ser iniciada pelo numero 1. A numeração da nota segue a sequencia do 000.001 até o 999.999, no entanto, quando atingido tal quantidade deverá ser iniciado novamente. Dessa forma, a numeração da nota possui 9 números, sendo compostos da seguinte forma: modela da nota, série e numeração da nota.

Por exemplo:

  • Quando a numeração da nota é a seguinte: 551000005
  • O modelo da nota é o 55, a série que compõe a nota é a 1, e o numero propriamente dito da nota é o 000005.

Ao analisarmos a numeração final da nota podemos observar que a mesma segue o padrão de 9 dígitos, isso significa que só é possível a inserção de um número de série. No entanto, essa numeração pode chegar ao valor de 999.999.999 e não seria possível inserir tal numero na nota. Por conta disso foi criada a chamada série virtual, onde um único número substitui e especifica a série da nota.

Série por modelo de documento

Mas e quando utilizo mais de um modelo de documento eletrônico, qual serie devo utilizar? Cada documento eletrônico possui uma serie distinta, ou seja, não é permitida a utilização de uma unica serie para emissão de diferentes documentos fiscais. Todo documento eletrônico deve ser iniciado pela série 1, então de acordo com a imagem a seguir, a série 1 é utilizada tanto para emissão de NF-e (modelo 55), quanto para emissão de NFCe (modelo 65), por exemplo.

FONTE: Sistema Odvix

O que é a Série Virtual?

De acordo com a secretaria da Fazenda, a série da nota pode ir de 1 até o 999 para a série virtual e apresentação da numeração. No entanto, as numerações de 890 a 899 são exclusivas para uso de notas Avulsa, caso o SEFAZ do estado permita. E a numeração 900 à 999 tem uso exclusivo para emissões em contingencia realizadas no Sistema de Contingencia do Ambiente Nacional – SCAN.

Porém, a numeração da nota só pode conter nove dígitos e para esse padrão ser seguido foi criado a chamada serie virtual, onde um único número substitui o numero de serie com dois dígitos ou mais na nota. Essa padrão serve para a autorização da NFe, no entanto no XML e DANFE da nota aparecerá o numero real da série.

Como utilizar dois números de séries?

Com o Ajuste SINIEF 08/09 tornou-se possível a utilização de dois números de série distintos paralelamente. Ou seja, é possível um numero de série para cada tipo de operação. Devo ressaltar que o contribuinte que desejar utilizar mais de um numero de série para distinguir operações precisa informar o posto fiscal, além disso, é necessário relatar no livro de Registro de Utilização de Documentos Fiscais e Termos de Ocorrência – RUDFTO.

Segurança e praticidade nas emissões de NFe

Para realizar emissões de forma correta, o sistema odvix recomenda um bom auxilio contábil. Assim, o seu contador poderá verificar as especificações da sua empresa, lhe auxiliando com os dados corretos para emissão das suas NF-e.

E em conjunto com um bom auxilio contábil, conte sempre com um sistema de qualidade, que facilita a gestão fiscal da sua empresa. Conheça os planos emissores do odvix, sistema completo de gestão fiscal e contábil. Além de um sistema competente para emissão das suas notas, desfrute de um suporte técnico especializado e gratuito.

Entre em contato agora com um de nossos atendentes e conheça mais sobre nossos pacotes e serviços!

Se você gostou desse artigo comente e compartilhe com seus amigos e continue acessando o Blog do Odvix que é atualizado semanalmente com conteúdos para você empreendedor.

Se tiver alguma duvidas ou sugestão deixe um comentário que ficaremos felizes em responde-lo!!

Compartilhe:

 

2 comentários

  1. roberto disse:

    bom dia!
    utilizamos serie 1 e serie 2 de cte´s em nosso empresa, para distinguir origem da prestaçao de serviço, iniciando dentro da nossa UF ou fora da nossa UF… a duvida?
    Cada serie tem que ter uma numeração distinta, ou posso continuar a sequencia numerica e so alterar a serie?

    • Odvix disse:

      Olá, cada série deve ter uma numeração distinta e nunca deve-se utilizar a mesma sequencia, pois as séries terão furos e alguns números não serão contabilizados pela Sefaz o qual pode ocasionar possíveis multas. É recomendável utilizar uma série para cada tipos de nota (NFe, NFSe, NFCe, etc).

      Qualquer dúvida estamos a disposição!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *